Menu >> Início | Quem somos | Catálogo | Comprar | Download de textos | Notícias | Contato

Título: Para una crónica de Guarayos
Assunto: História de povos indígenas da América do Sul
Autora: Pilar García Jordán
Formato: 17x24
Número de páginas: 340
Editora: Itinerarios 2014
ISBN: 9789995485955
Compre no Brasil / Compre fora do Brasil

Título: Introdução

Título: Faz aproximadamente dez anos atrás, e ao longo da minha pesquisa sobre os Guarayo, encontrei uma cópia de manuscritos que, como uma crônica, descreviam e contavam vários aspectos dos povos de Ascensión, Urubichá, Yaguarú, Yotaú e San Pablo. Estes textos foram escritos pelos padres franciscanos que tinham cargos nesses povos de missão como conversores e párocos. As datas registradas eram entre 1927 e a década de 1960. Naquele tempo, eu estava envolvida no estudo da implementação do plano missionário franciscano entre os Guarayo no contexto da construção da Bolívia como um estado-nação. Este projecto político no qual os grupos dirigentes bolivianos, primeiro conservadores e logo liberais, fizeram com que as missões católicas tornaram-se o instrumento principal para controlar as terras baixas Amazonía e Chaco consideradas populações bárbaras e selvagens (García Jordan, 2006). Foi também durante esta visita que me deparei com um texto de características semelhantes, com o título de "Jornal de Salvatierra", sob qual escondia-se o primeiro dos diários relacionados com o processo de conquista e de redução dos Sirionó, que franciscanos tentaram de conseguir a partir de 1926, com a fundação da missão de Santa María.

Título: As descrições e histórias, feitas obviamentea a partir da perspectiva do agente religioso de turno encarregado das paróquias guarayas, pareciam-me uma fonte documental extraordinária para consultar junto com muitas outras que eu tinha obtido previamente, para o estudo dos processos que estavam ocorrendo na Bolívia na época; ainda mais porque os anos registrados, em particular muito turbulentos da história do país, registravam a última fase regional e o período que seguiu à secularização produzida em 1939 postergándo-se no caso de Ascensión até meados dos anos 1960 e até o presente no caso de Urubichá.

Título: Foi assim que, em paralelo com a análise das mudanças que aconteceram nos Guarayo a partir de 1939 cujas conclusões estou trabalhando em um livro à parte achei que seria útil disponibilizar aos pesquisadores o conteúdo destes diários-crónica.

Título: Por conseguinte, este livro reúne Diários de Ascensión, San Pablo, Urubichá, Yaguarú e Yotaú. Dois deles começam em 1927 (Urubichá e Yaguarú), quando o prefeito missionário dos Guarayo, Alberto Singer, comunicou, com a data de 1 de outubro de 1927, para todos os conversores da prefeitura, o anúncio da Visita Canônica; outros dois (Ascensión e San Pablo) começam em 1931 e o quinto (Yotaú) em 1938. A referida carta incluiu as datas da chegada do prefeito Singer junto a diversas populações e ordenou que os religiosos tivessem preparados os livros de administração espiritual e material, o livro de providências, o livro dos inventários do património da missão e da Ordem, e "el diario que según Nº 79 de Statuta pro missionibus cada P. Provisor lleva". Em relação ao último ano dos Diários, enquanto os de San Pablo, Yaguarú e Yotaú concluem na década de 1940, os diários correspondentes a Ascensión e Urubichá continuam por várias outras décadas; no entanto, decidi estabelecer corte no ano 1967.


Título: Sumário
Título:
Prólogo

1. Cuando el Estado boliviano secularizó las misiones, dizque, para completar el proceso de incorporación de los guarayos a la nacionalidad.

2. Diarios
NNNotas a la transcripción
NN2.1.  Diario de Ascensión, 1930-1967
NN2.2.  Diario de San Pablo, 1931-1943
NN2.3.  Diario de Urubichá, 1927-1967
NN2.4.  Diario de Yaguarú, 1927-1964
NN2.5.  Diario de Yotaú, 1938-1948

Abreviaturas

Glosario

Fuentes y bibliografías citadas

Índice onomástico

Pilar García Jordán

Para una crónica de Guarayos

Português | Español | English | Polski | Deutsch
R$ 289,00